Análise dos Testes Diários de Controle de Qualidade de um Tomógrafo Simulador

Maíra Milanelo Vasques, Gabriela Reis dos Santos, Laura Furnari

Resumo


Com a crescente evolução tecnológica, práticas radioterápicas que minimizam as complicações dos tecidos normais e permitem um melhor envolvimento do tumor com a dose terapêutica, têm se tornado realidade em diversos serviços de Radioterapia. O emprego de tais recursos por sua vez, só foi possível devido aos progressos alcançados nos planejamentos baseados em imagens volumétricas digitais de boa qualidade, como as da tomografia computadorizada (TC), que permitem a correta delimitação dos volumes. Testes específicos de controle de qualidade em um tomógrafo utilizado na radioterapia, denominado tomógrafo simulador, devem ser aplicados como parte do Programa de Garantia da Qualidade institucional. Esse estudo apresenta a metodologia utilizada no Instituto de Radiologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HCFMUSP) para os testes diários do tomógrafo simulador e os resultados obtidos ao longo de mais de dois anos de coleta. A experiência obtida no período realizado mostrou que os testes realizados são de fácil execução, podendo ser realizados em poucos minutos por um profissional bem treinado. A análise dos dados mostrou boa reprodutibilidade, o que permitiu que os testes pudessem ser realizados de forma menos frequente após 16 meses de coleta de dados.  


Palavras-chave


Radioterapia, dosimetria, tomógrafo

Texto completo:

PDF

Referências


Mutic S., Palta J., Butker E., Das I., Huq M.S., Loo L., Salter B., McCollough C., Dyk J. Quality assurance for computed-tomography simulators and the computedtomography-simulation process: Report of the AAPM Radiation Therapy Committee Task Group No. 66. AAPM, 2003

Furnari L., Sales C. P., Lopes C. P., Santos G.R., Silva M. A., Nakandakari M. V.N. Controle da Qualidade em Radioterapia. Miró Editorial, 2012, 123-147.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Brasileira de Física Médica

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia