Perfil de dose de feixes de elétrons obtidos com dosímetros termoluminescentes de CaSO4 :Ce,Eu

  • Maíra G. Nunes
  • Letícia L. C. Rodrigues

Resumo

Os dosímetros termoluminescentes (DTL) de sulfato de cálcio ativado com cério e európio (CaSO4 :Ce,Eu), recentemente desenvolvidos pelo Laboratório de Materiais Dosimétricos (LMD) do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN), assim como os DTL de sulfato de cálcio ativado com disprósio (CaSO4 :Dy) e de fluoreto de lítio ativado com magnésio e titânio (LiF:Mg,Ti; TLD-100), já longamente empregados em dosimetria e considerados como padrões, foram utilizados para levantar o perfil de dose dos feixes de elétrons de energia de incidência mais provável de 3,43; 5,48; 8,27 e 11,67 MeV, gerados por um acelerador linear Clinac 2100-C (Varian) nas condições de referência definidas pelo código de práticas TRS-398. A dosimetria de rotina dos feixes, realizada com uma câmara de ionização calibrada contra um padrão secundário, assegura que os feixes de elétrons utilizados para as irradiações atendem aos requerimentos de planura e simetria do campo estabelecidas nesse código de práticas. Desse modo, a concordância das medições realizadas com os DTL com os requerimentos do código de práticas TRS-398, sugere que os três tipos de DTL estudados podem ser aplicados na dosimetria clínica de feixes de elétrons de energias altas.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Nunes, M. G., & Rodrigues, L. L. C. (2015). Perfil de dose de feixes de elétrons obtidos com dosímetros termoluminescentes de CaSO4 :Ce,Eu. Revista Brasileira De Física Médica, 6(3), 156-162. https://doi.org/10.29384/rbfm.2012.v6.n3.p156-162
Seção
Artigo Original